Autor: Eriane Oliveira

Brasil é considerado um dos países mais caros em compras de aparelhos eletrônicos

Um relatório do banco BTG Pactual analisou em Janeiro, 20 países do mundo, e foi possível detectar que o Brasil é um dos países que mais lucram com aparelhos eletrônicos, até porque o valor de origem é em dólar, e a importação para lojas brasileiras geram custos.

Um aparelho da Apple a exemplo do iPhone XS com 64GB pode custar até 74% mais caro no Brasil em comparação aos Estados Unidos, na compra de um iPad com 32GB, o brasileiro que desejar adquirir, paga 140% a mais do que o valor original, calculado em dólar. De acordo relatório, o Brasil é o país mais caro do mundo para comprar os produtos da empresa, eles chegam a pagar 18% a mais que nos Estados Unidos pela cesta de 12 peças.

Não é novidade que a importação possui altas taxas de importação e diversas burocracias, mas já é possível fazer essa importação pelos correios de diversos aparelhos eletrônicos de modo seguro. Mas calma, nem tudo é “proibido” importar.

Em nota, o Correios diz; “Embora o COMPRA FORA tenha por objetivo facilitar a aquisição online de produtos em lojas que não enviam as mercadorias para o Brasil, não há restrições para a utilização do serviço na importação de produtos também oferecidos no mercado nacional. As restrições da plataforma são direcionadas para produtos cuja importação seja PROIBIDA por via postal (existe uma lista destes produtos no Portal dos Correios) ou pela Receita Federal/Órgãos anuentes. Assim, desde que sejam recolhidos os impostos devidos e atendidas as exigências postais e aduaneiras de importação, não há limitações para a utilização do COMPRA FORA no caso citado. ”

Vale ressaltar que os empreendedores que possuírem fabricação local terá um alavanco maior ainda no futuro.

Fonte: Olhar Digital

Widget notificações da Google chegará ao fim

Sempre tem alguém que, devido a correria do dia a dia perde os acontecimentos em suas redes sociais e depois se perguntam “que horas foi isso? ”, portanto, sabemos o quanto as notificações são de extrema importância para estar atualizado a todo tempo.

Com o intuito de alertar aos seus usuários sobre os serviços da Google, em 2011 a Google+ adicionou em sua barra de ferramentas o Widget de notificações, o que alertava também sobre serviços como Hangout Chat e Google Photos.

O sininho que aparece no canto superior da tela do Google, deixará de existir a partir do dia 7 de março, porque não apresenta um retorno como esperado, visto que 90% dos navegadores iniciam a sessão, mas as mesmas duram menos de cinco segundos.

O Google+ também deixará de existir em breve, mas quem precisa dele, ou quer continuar utilizando, poderá habilitar novamente, basta ir nas configurações dos aplicativos relacionados.

Baixe vídeos e músicas no YouTube sem usar programas

O Youtube possui uma imensa variedade de músicas, desde aquela que acalma a criançada até a que o seu avô não escuta há anos, ou seja, ele é do tipo que agrada a todos os gostos, e ainda tem a vantagem de possuir músicas em sua plataforma que não existem em outro lugar. Porém, para ter acesso aos hits musicais o usuário precisava estar sempre conectado à internet.

Com o avanço dos aplicativos, se tornou possível baixar o conteúdo com ajuda de apps, por ex: Snaptube, mas para que a memória do seu aparelho não seja comprometida, nós vamos te ensinar a baixar vídeos ou músicas da plataforma para que você possa escutar quando quiser.

  • Após achar o vídeo da sua preferência, clique em “compartilhar”.
  • Copie o link e no seu navegador, acesse o site convert2mp3.net
  • Ache o campo “insert vídeo link (URL) ou “Videolink (URL) einfugen” para colar o link copiado.
  • Escolha a versão que deseja, ex: mp3 e pressione “convert” ou “umwandenln” depende em qual língua estará o site.
  • Clique sobre “Skip this page (no tags) em seguida “continue” e “Download” para finalizar.

Pronto! Sua música preferida estará disponível para ouvir sempre que quiser e sem precisar acesso à internet. O procedimento só pode ser realizado por celulares com sistema operacionais Android, visto que, a Apple não permite que os seus usuários façam download.

Saiba como adicionar o WhatsApp da sua empresa no Instagram

Na era digital, onde as redes sociais dominam, os empresários podem facilitar o contato com os seus seguidores e possíveis clientes. O instagram, por ser um aplicativo que mais cresce com números de usuários e atualizações constantes, permite que o empresário adicione o telefone para contato direto com a empresa ou fornecedor.

Para isso, o usuário deve colocar a conta como perfil comercial e ser administrador de página no Facebook para ter como vincular os perfis, mas calma! Vamos te ensinar a colocar a conta como comercial. Fique ligado!

  • No seu perfil, toque sobre o ícone de três barras no canto superior, em seguida, “configurações”.
  • Escolha a opção “Mudar para o perfil comercial e “continue” para confirmar a solicitação.
  • Toque em “Avançar” para vincular com o Facebook.
  • Em “concluir” você finaliza a migração.

Pronto, o perfil foi alterado para comercial. Receba a mensagem de “bem-vindo” e vá para o seu perfil. Para adicionar o WhatsApp ao Instagram o usuário deve:

  • Já no perfil, clica em “Editar perfil”, seleciona “Opções de contato”.
  • Tem as opções “E-mail ou telefone”, basta escolher “Telefone” e digitar o número que irá tratar com os clientes.
  • Conclua e o torne visível no perfil clicando em Editar perfil “Biografia”.
  • Adicione o número e salve.

Todos os clientes que quiserem entrar em contato não precisarão salvar o número na agenda, basta clicar em “ligar” ou “enviar mensagem”. Pensando na segurança e conforto dos usuários, é recomendável que o WhatsApp seja o Business (uma versão Web). O procedimento pode ser realizado nos aparelhos com sistema operacional Android ou iOS.

Aqui Brasil

Print do site Aqui Brasil.

Com objetivo de fortalecer o desenvolvimento com matérias primas originárias da biodiversidade brasileira e em respeito à natureza, a Aqui Brasil preza o comprometimento com a sustentabilidade e cria cosméticos ecológicos, com eles, estarão respeitando a vida, mantendo o equilíbrio com a natureza e têm a certeza que os seus produtos possuem o benefício oferecido.

Os ingredientes são selecionados com cautela, e com intuito de manter os cabelos das clientes brilhosos, até porque os melhores ingredientes vêm da natureza e são 100% livres de tóxicos e a fabricação é brasileira.

A Aqui Brasil é uma loja virtual (e-commerce), seus produtos possuem um valor acessível e variedade nos cuidados com os fios. A sua formula consiste em coco que promete hidratação, redução do friz e brilho aos cabelos, a Quinoa dá regeneração, e além do brilho, desenvolve elasticidade e maciez, o Mel Vegetal que é rico em inulina, repara o cabelo e aumenta a adesão das cutículas a fibra capilar. Os produtos podem ser utilizados por qualquer tipo de cabelo.

Deseja criar um site para o seu negocio? Solicite um orçamento.

Saiba como usar etiquetas organizadoras de mensagens no WhatsApp Business

O Business é um aplicativo direcionado a empresas, o que de uma certa forma, facilita a comunicação com os clientes. Ele pode ser encontrado também no Play Store com download gratuito e para diferenciar, tem um “B” no balãozinho do WhatsApp. Após baixado, ele pede que o usuário crie o seu perfil comercial, é onde a empresa adiciona as informações importantes para os clientes.

A novidade é que o mensageiro agora permite adicionar etiquetas nas conversas, de modo que as conversas com clientes fiquem organizadas. Com bandeiras coloridas, cada mensagem recebida será etiquetada e visualmente, é possível identificar do que se trata e assim, agregar a determinada lista cujo o assunto seja do mesmo ramo.

Para isso

  • No business, selecione o ícone de três pontos que fica no canto superior e opte por “Etiquetas”, logo, terá a opção “+” para criar as mesmas.
  • Por ordem, a primeira que aparecerá é a etiqueta azul. Determine o nome a ser atrelado e salve. Você repete o procedimento para criar outras etiquetas.

Aplicação

  • Clique sobre a conversa com o botão direito e opte por “Editar etiqueta”.
  • Escolha as conversas que devem ser etiquetadas e clique na bandeira que aparece em tela.
  • Selecione a etiqueta de acordo a sua preferência e “salve” para aplicar.

O usuário consegue visualizar na página inicial as conversas marcadas, é só voltar em “Etiquetas” e estará como uma espécie de pasta. Para remover ou remarcar aquela conversa, selecione a conversa e aperte no ícone de bandeira riscada, depois confirme.

Google I/O 2019 trará novidades sobre Android

O maior evento da Google acontecerá de 7 a 9 de maio em Shoreline Amphitheatre, Mountain View, Califórnia, nele, a empresa pode apresentar novidades sobre a nova atualização do Android, Google Assistente, Maps, Gmail, Google Tradutor e mostrar avanços tecnológicos.

O Google deixa os usuários curiosos ao citar que “vamos falar uns com os outros em uma linguagem universal” o que leva referência ao sistema operacional Fuchsia, com a ideia de ser implementado em aparelhos a partir de 2021. Será que o sistema irá substituir o Android?

Alguns enigmas foram lançados pela Google, e estão a ser desvendados, frases soltas e que nos fazem criar expectativas ou imaginar diversas possibilidades. Porém, como não é possível adivinhar, os usuários e curiosos terão que aguardar até a data do evento mais comentado do momento para conferir as atualizações disponíveis.

Facebook Messenger, Direct do Instagram e WhatsApp podem ser integrados

Mensagens enviadas por um app podem ser lidas por outro

Mark Zuckerberg, que é diretor do Facebook, pretende unificar os três aplicativos mensageiros. Segundo o jornal The New York Times, a novidade fará com que um usuário que tenha conta no WhatsApp envie mensagens para quem está no instagram, mesmo que o destinatário não tenha conta no WhatsApp ou vice e versa.

Os usuários continuariam usando seus aplicativos separadamente, porém, as mensagens enviadas de um app podem ser lidas em outro. Isso facilita o contato com pessoas que não tem aquele determinado aplicativo instalado. Em relação a segurança, não há o que temer, os funcionários do Facebook irão aplicar a criptografia de ponta-a-ponta que já existe no WhatsApp, nos outros dois mensageiros, portanto, somente os usuários envolvidos terão acesso a conversa.

O Facebook testou em 2014 separar o Messenger do aplicativo, onde o mesmo pode ser instalado separadamente, deu certo e trouxe mais usuários para a rede social. A novidade deve ficar pronta no final de 2019 ou começo de 2020. Em nota, o Facebook fez suspense e não confirmou a sociedade dos apps, mas afirmou que está apostando em uma experiência com as mensagens em seus aplicativos, o que o tornará mais útil.

Facebook permite identificar notícias falsas

As mais conhecidas por Fake News, notícias falsas que circulam pelas redes sociais, serão identificadas no Facebook. Administradores que possuam domínio de páginas na plataforma digital, terá a atenção em identificar a veracidade de determinadas notícias de acordo a classificação que o próprio Facebook fará em “falsas”, “mistos” ou com “título falso”, basta ir na aba “Qualidade da página”.

Administradores também terão acesso a publicações que foram retiradas por conter conteúdos impróprios e por não respeitar as normas internas, são eles; “Violência”, “bullying”, ”assedio”, “nudez adulta”, “apoio a usuários não permitidos pelo Facebook”, “atividades sexuais”.

Com a retirada das notícias falsas e dos conteúdos aqui citados, os administradores poderão contestar ou não, visto que a alguns usuários não serão alertados sobre a remoção do conteúdo.
O intuito do Facebook é remover posts de notícias falsas que são compartilhadas cada vez mais nas redes sociais pelos usuários e pelas páginas, que automaticamente, trazem riscos. Além de tornar a rede social uma plataforma entretida, torna-la confiável.

Primeiro Smartphone sem entradas físicas ou botões é lançado pela Meizu

Empresa Chinesa supera a Aplle com criação do Umi Zero

O aparelho inovador lançado nesta quarta (23) é o Meizu Zero, ele não possui botões, entrada para fones ou carregador, não tem entrada para chip e muito menos auto falante. A empresa chinesa superou a Aplle, que lançou o iPhone sem entradas para fones de ouvido e pode ouvir músicas por fone sem fio disponibilizado pela própria Aplle.

O leitor da biometria para desbloqueio do aparelho é na tela, como ele não possui auto falante é utilizado a tecnologia “mSound 2.0”, e o som é emitido no próprio display, mas o volume também é ajustado por sensor. Caso deseje ouvir músicas ou áudios em particular, o usuário deve ter em mãos um fone Bluetooth que mantenha a sua privacidade.

 Ao tentar carregar o smartphone, o usuário não irá encontrar como na maioria dos outros aparelhos, uma entrada USB, pois é utilizado a tecnologia “Super mCharge Wireless” um carregamento sem fio, mas que tem a promessa de carregar rápido e de acordo com o fabricante, a potência chega a 18 W.

O aparelho não tem a “gavetinha” para chip, a empresa chinesa adotou a nova modalidade eSIM que é um cartão de operadora virtual, inclusive já utilizado pela Aplle em alguns dispositivos móveis. A novidade ainda não chegou no Brasil e ainda está sem previsões, visto que, as operadoras brasileiras não funcionam no smartphone por não fazerem o uso do eSIM.